2022-05-06 - Caminhões

Manutenção preventiva, preditiva e corretiva de caminhões: Quais as diferenças

Manutenção preventiva, preditiva e corretiva de caminhões: Quais as diferenças

Para conseguir cumprir as entregas com segurança e dentro do prazo, os caminhoneiros precisam contar com caminhões em pleno funcionamento. E para isso, é necessário realizar a manutenção correta nos veículos.

 

Portanto, atentar-se para a conservação e segurança da frota e estabelecer um período para manutenção preventiva, preditiva e corretiva dos seus veículos é um dever das transportadoras. 

 

Mas, quais são as diferenças entre esses tipos de manutenção?

 

Abaixo, te explicamos as características de cada tipo de manutenção, quais suas principais diferenças e por qual optar em distintos momentos.

 

O que é e como funciona cada tipo de manutenção?

 

Como já sabemos, existem diferentes tipos de manutenção: a preventiva, a preditiva e a corretiva. Sendo assim, é importante saber identificar cada uma para escolher a mais adequada e que poderá reduzir os custos, aumentar a segurança nas operações e a lucratividade da empresa. 

 

Leia mais sobre cada tipo de manutenção:

 

  • Manutenção preventiva

 

Esse é o tipo de manutenção que reúne diferentes estratégias e práticas de controle de falhas e danos. Por esse motivo, ela se chama manutenção preventiva e é feita periodicamente para evitar que ocorram acidentes. Essa manutenção requer um planejamento, com a finalidade de manter os veículos em boas condições de funcionamento.

 

Através desse tipo de manutenção, é possível diminuir os custos da empresa, já que os caminhões operam sem grandes riscos de falhas. 

 

Leia também: Motor do Caminhão: 7 dicas para uma boa manutenção

 

  • Manutenção preditiva

 

Já a manutenção preditiva utiliza programas de monitoramento com ferramentas de alta tecnologia para avaliar os componentes que ao longo do tempo podem trazer danos aos veículos. Ou seja, ela evita possíveis falhas ao analisar o desempenho dos caminhões e antecipa quais precisam passar por inspeções.

 

Como a maior parte do check-up pode ser feita pelos próprios motoristas, a manutenção preditiva possui um baixo custo com reparos e imprevistos, porém, há a necessidade de treinamento dos profissionais que realizarão os check-ups.

 

Leia também: Como descobrir se seu caminhão está com algum problema mecânico?

 

  • Manutenção corretiva

 

Quando é necessário realizar o reparo imediato de um item que compromete o funcionamento do caminhão, é realizada a manutenção corretiva. Na maioria das vezes, essa manutenção consiste na substituição do componente danificado ou com desgaste de urgentemente, ou seja, sem uma programação, o que pode fazer com que o veículo fique ocioso por um tempo.

 

Por não possuir um planejamento, esse tipo de manutenção pode custar um pouco mais para o dono do caminhão, já que é uma forma de reparo baseado na imprevisibilidade. 

 

Leia também: Porque não fazer manutenção em oficinas não autorizadas

 

Quais são as principais diferenças entre as manutenções e como escolher a melhor para o seu caminhão?

 

Após conhecer um pouco mais sobre esses três tipos de manutenção é hora de saber quais  são as principais diferenças entre elas e descobrir qual a melhor para a sua situação.

 

Confira as principais diferenças entre as manutenções e como escolher a melhor para o seu caminhão.

 

  • Período de realização: A manutenção preventiva e a preditiva possuem um intervalo de tempo conforme um critério preestabelecido ou definido pelo manual do fabricante. Já a manutenção corretiva, não possui período determinado para os reparos, pois eles são realizados apenas quando um item apresenta falhas ou para de funcionar.

 

  • Vantagens: As vantagens das manutenções preditiva e preventiva são parecidas, já que ambas têm uma maior economia de peças, materiais, mão de obra e segurança dos colaboradores devido ao planejamento. Com a manutenção corretiva, essa estratégia pode resultar em um custo/efetividade até apresentar uma nova falha.

 

  • Custos: As manutenções preventiva e preditiva geram uma economia em médio e longo prazo em relação aos custos, além de evitar surpresas com a quebra inesperada de um item. Já na manutenção corretiva, por não haver uma programação, a parada veículo para o reparo gera maiores custos.

 

  • Planejamento: Tanto a manutenção preditiva quanto a preventiva seguem um planejamento periódico estabelecido para realizar as análises e os reparos, enquanto que na manutenção corretiva esse recurso não é utilizado.

 

  • Treinamento dos profissionais: Na manutenção preditiva, devido à análise de dados, é preciso que o profissional seja capacitado e qualificado para realizar o reparo. Já na manutenção preventiva, a mão de obra intensiva pode ser realizada pelos próprios colaboradores ou oficinas credenciadas. Enquanto que na manutenção corretiva, o fato da urgência faz com que o item seja reparado em empresas terceirizadas não credenciadas.

 

  • Monitoramento: Nas manutenções preventiva e preditiva, os monitoramentos ocorrem constantemente, já na corretiva esse procedimento ocorre apenas quando os itens apresentam algum problema.

 

O que você achou deste conteúdo? 

 

Esperamos que você tenha gostado do nosso artigo e achado as informações úteis. Para ficar por dentro de mais conteúdos como esse, fique atento ao nosso blog

Simule o financiamento do seu caminhão

Preencha os dados abaixo para simular o valor das parcelas.

Valor da entrada: 20%

(Minimo 20%)

Valor da entrada:

parcelas de

Encontre uma concessionária

Clique abaixo para localizar a concessionária mais próxima de você:

Encontrar
Faltam:
para a maior promoção do ano